Por dentro do Disney Dream: restaurantes

 

almoçando no Cabanas enquanto o navio estava ancorado na Castaway Cay

almoçando no Cabanas enquanto o navio estava ancorado na Castaway Cay

Já contei nesse post o que mais curti e o que não curti no cruzeiro da Disney pelas Bahamas, e também contei nesse outro como é a ilha da Disney, a Castaway Cay. Agora vou contar como é o navio Disney Dream, e por isso comecei a série Por dentro do Disney Dream, onde vou falar seus números, o que ele oferece de entretenimento, restaurantes, enfim, todos os detalhes. Estou separando em posts específicos para não ficarem enormes, mas já contei como são as cabines, as piscinas e as áreas exclusivas para crianças e adolescentes

Disney Dream em números

Como não amar os waffles do Mickey?

Como não amar os waffles do Mickey?

O Disney Dream é o terceiro navio de cruzeiro da frota da Disney Cruise Line, que entrou em serviço em 2011. Possui 14 plataformas altas, tem o comprimento de 1115 pés ,  largura máxima de 125 pés e pesa 130 mil toneladas. Possui 1250 cabines e tem capacidade de acomodar 4000 passageiros, além dos 1458 membros da tripulação. Resumidamente, ele é 40% maior que o Disney Wonder e que o Disney Magic, outros navios da empresa.

O navio foi projetado com foco nas famílias e ao mesmo tempo para refletir o glamour da época de ouro dos cruzeiros, nos anos 1930, eainda levando em consideração que teria que ter toda a magia que envolve o nome Disney.  Sua construção levou 2 anos, e em 2011, ao ser lançado, chamou a atenção pelo Aquaduck, um toboágua imenso que passa por quase todo o navio, e que na época foi chamado de primeira montanha-russa de água no mar.

A decoração é no estilo Art Déco, com muitas estátuas, quadros e detalhes bem no estilo Disney.

O Disney Dream atualmente navega apenas nas Bahamas, fazendo cruzeiros de 3 e 4 noites, passando sempre pelos mesmos portos: Castaway Cay , Nassau e saindo de Port Canaveral . 

O esquema de jantar no Disney Dream

Todas as refeições durante o cruzeiro estão incluídas no valor dele, incluindo bebidas , aliás, é um dos motivos que mais me atraem em fazer esse tipo de viagem, a gente paga e depois só se diverte, sem pegar na carteira.  A única exceção é bebida alcoólica e, que eu me lembre, o café expresso nos bares. Fora isso, tudo está incluído, inclusive snacks, sorvetes e etc. (existem 2 restaurantes que são só pra adultos e que não fazem parte do “pacote”e conto sobre isso mais no final do post).

A primeira coisa a fazer, isso no ato da reserva, seja ela feita por um agente de viagens ou pelo próprio site da Disney Cruise Line, é escolher o horário do jantar. São duas opções, uma às 17:45h e a outra às 20:15h. Claro que escolhi a segunda opção, até porque a minha viagem seria no verão e às 18h ainda está sol!   Feito isso, o resto da organização fica por conta da equipe do cruzeiro, e vou te contar.. eu amei essa organização!!! Primeiro porque o número da nossa mesa é sempre o mesmo para o jantar. e segundo que quem organiza o rodízio de restaurantes é a própria organização do cruzeiro, o que significa que a cada noite o nosso jantar era servido em um restaurante do navio diferente.

A nossa mesa sempre era a  121, e todas as noites deixavam 3 papéis , em nome de cada uma das hóspedes,  com o horário do nosso jantar, a mesa e o restaurante. Outra coisa bacana é que o nosso rodízio de restaurantes é feito junto com o rodízio de garçons, o que significa que somos sempre atendidos pelas mesmas pessoas durante toda a viagem, o que faz ele já conhecer a família, virar amigo das crianças e já sabem o que gostamos de beber. Tudo isso faz com que  a gente se sinta mais a vontade.

Falando em se sentir mais a vontade, eu não vi o menor problema, até porque conheci uma família super simpática e as meninas adoraram a criança deles, mas o que ocorre é que o navio tem muitas mesas grandes, e isso significa que se estiver viajando com número pequeno de pessoas, é bem possível que coloquem vocês, assim como eu fiquei, em uma mesa compartilhada com outra família, e que irá fazer parte de todos os seus jantares. Claro que existe a possibilidade de pedir na reserva que isso não aconteça, embora eu ache que é até uma oportunidade de conhecer novas pessoas. No meu caso por exemplo, eles nos colocaram com outra família de brasileiros, e também uma família sem homens, era uma mãe com dois filhos e a avó. Nota-se claramente que eles tiveram preocupação de juntar famílias com o mesmo “perfil” e achei isso muito bacana.

O esquema do jantar  é o mesmo para os 3 restaurantes incluídos no pacote, um menu com 3 opções cada de entrada, prato principal e sobremesa. Para as crianças tem um menu especial, e em todos os restaurantes eu pedi uma certa adaptação no prato das meninas e fizeram exatamente o que pedi, incluindo fazendo bifinhos pra elas, coisas que não tinham no menu infantil. Agora vou contar um pouco sobre cada restaurante.

 

Os Restaurantes  do Navio Disney Dream

Primeiro vou descrever os 3 restaurantes que são reservados automaticamente pela Disney Cruise Line para os jantares dos hóspedes.

Royal Palace

Royal

Royal Palace, no café da manhã 

Esse restaurante faz parte do rodízio de jantares, que mencionei acima, e que só pode ser frequentado dentro desse esquema. Nosso primeiro jantar foi neleO restaurante é inspirado nos clássicos da Disney como Cinderela ( formato redondo remete com colunas remete à cena do baile da Cinderela ), Branca de Neve e os Sete Anões, A Bela Adormecida e A Bela ea Fera, e serve comida continental e francesa.  Além de abrir nos jantares, ele abre para café da manhã, cheguei a ir uma vez e não é esquema de buffet, assim como no jantar, ele tem um menu de café da manhã; e abre para almoço em alguns dias. Para saber detalhes do menu, entre no link .

Animator’s Palate

Animators Place

Animators Place

Esse restaurante faz parte do rodízio de jantares, que mencionei acima e que só pode ser frequentado dentro desse esquema. A inspiração do restaurante são as animações da Disney e faz dele o mais fofo dos restaurantes, com destaque para as cadeiras do Mickey! Quadros nas paredes mostram esboços de desenhos, além de maquetes, estátuas e cenas de filmes da Disney. Em algumas paredes, falsos aquários com personagens do filme Procurando Nemo, e que ao longo do jantar, interagem com os hóspedes. Foi muito engraçado quando falaram com a nossa mesa, até porque era aniversário do filho da outra família e até português o Crush falou.  Esse restaurante, que serve comida do pacífico, só abre para o jantar. Para saber detalhes do menu, entre no link .

Enchanted Garden

 

esse restaurante é lindo! <3

Enchanted Garden: esse restaurante é lindo! 

Esse restaurante faz parte do rodízio de jantares, que mencionei acima e que só pode ser frequentado dentro desse esquema. Localizado no Deck 2, o restaurante é inspirado nos jardins de Versalhes e lembra um imenso jardim de inverno elegante da França. A cozinha é continental, e o restaurante abre para café da manhã, no estilo buffet, e para o almoço apenas no dia do embarque. Para saber detalhes do menu, entre no link.

 

Minha opinião: os 3 restaurantes são bons, mas nada de maravilhoso, e isso é super fácil de entender, pois mesmo dividindo os hóspedes, é muita comida para muita gente. O atendimento é ótimo, todos muito solícitos e o esquema de rodízio junto com os garçons é realmente muito bacana.

 

Cabanas

Foi o restaurante que mais almocei e tomei café da manhã. Isso porque o esquema é de buffet e perto da piscina, ele é a solução perfeita para não perder muito tempo nessas duas refeições e poder curtir o navio e os lugares que o navio vai parando.

Como tudo da Disney, o restaurante é temático, e o tema do Cabanas são as praias da Califórnia. A decoração é super descontraída e com dose de magia, como no mosaico que descreve uma cena do Procurando Nemo  ou na parede onde ficam 5 peças de arte que caracterizam os 5 castelos da Disney. 

O menu do café da manhã é bem americano: ovos, bacon, panquecas, waffle (do Mickey!)  cereais, bagel, sucos, café e leite. Tem frutas também, além de iogurte. O menu do almoço é bem variado, de vai desde as “porcarias” como pizza, passando por vários tipos de saladas, camarão (eu comia sempre), massas, e pratos variados de peixe, carne e frango. O restaurante funciona de noite, mas confesso que não fui nenhum dia, e é a la carte. Não fui porque todos têm reservas nos outros restaurantes e fiz questão de experimentar todos. Para saber detalhes do menu, entre no link.

não resistia e comia no prato de criança no Cabanas..

não resistia e comia no prato de criança no Cabanas..

Restaurantes que não fazem parte do all inclusive do navio 

Esses restaurantes não fazem parte do sistema de all inclusive do navio, e portanto o jantar neles é mediante reserva e é pago a parte. Só adultos podem frequentar os restaurantes e por isso mesmo que não fazia sentido eu ir.

Palo

Um restaurante italiano sofisticado com o toque contemporâneo. Em cruzeiros de mais de 4 noites é oferecido brunch nele.

Remy

Esse restaurante francês é mais sofisticado ainda.

 

Sorvetes e lanches

sorvete a qualquer hora

sorvete a qualquer hora

Dificilmente alguém sente fome em cruzeiros.. além de não dar tempo, existem outras opções para comer sem ser os restaurantes. Seja um sorvete ou um sanduíche, e isso não significa que é preciso chutar o balde, tem opção mais light.

Preludes

Localizado no Deck 4 , perto do teatro, ele é aberto apenas para servir durante os espetáculos. Vende alguns doces, drinks e biscoitos e salgados industrializados.

Flo’s Café

Localizados no Deck 11, os três quiosques Flo’s Cafe são a salvação para quem perdeu uma refeição ou comeu pouco e sentiu fome. Os quiosques, Luig”s Pizza, Tow Mater’s Grill e Fillmore’s Favorite funcionam no sistema quick service, e basta entrar na fila e pedir o que deseja no balcão.  Tem pizza, hambúrger, e pasmém, coisas mais naturais, como frutas, wraps e saladas.

Eye Scream and Frozone Treats

A minha sorte é que não ligo pra sorvete, e confesso que é uma tentação mesmo assim! A máquina fica a disposição e você escolhe o sabor e coloca na casquinha.

 

Dicas

– Se estiver viajando em grupo, isto é, com mais de uma cabine, avisar na hora da reserva que vocês querem fazer as refeições juntos;

– se não quiser sentar com ninguém estranho durante as refeições, avise também na reserva;

– Para não perder os shows noturnos do navio: se jantar no primeiro horário, terá que assistir ao último show, e se jantar no segundo horário, deverá assistir ao show antes da refeição.

– Se curtiu uma comida em um jantar, fale com o garçon, é possível trazer o mesmo prato do outro restaurante.

– da série.. coisas que só descobri na prática.. a melhor hora pra fotografar os restaurantes é no café da manhã.

– se quiser comemorar o aniversário, avise na reserva e compre o bolo do Mickey

 

 

Veja também outros posts dessa viagem

Disney Dream pelas Bahamas 

Outros posts de Orlando com dicas

 

Mais fotos

 

Você não está autorizado a visualizar esta parte
O campo App IDotherwise your plugin won't work.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *