Minube revoluciona os apps de viagens com o seu aplicativo para iPhone

Ganhador do prêmio de melhor aplicativo de 2011 pela Apple (Espanha), o Minube lançou hoje sua versão em português. E eu mesma já coloquei várias dicas minhas lá… É mais que um aplicativo, é uma rede social que todos que gostam de viajar devem ter! Segue o release do lançamento

 

A experiência de viajar foi enriquecida graças à Internet e aos dispositivos móveis e chegou ao ponto em que um viajante começa a aproveitar a viagem antes mesmo das férias de uma maneira intensa e, principalmente, colaborativa. Com este objetivo, o minube (www.minube.com.br), uma plataforma de viagens sociais que é visitada por mais de 30 milhões de viajantes de todo o mundo a cada ano, lançou a nova versão do seu aplicativo para iPhone no Brasil (faça o download em http://minu.be/PsR). Ela conta com diversas funções que permitem até mesmo escolher um destino em função de cores, dias disponíveis ou do estado de ânimo.
O aplicativo foi premiado pela Apple em 2011 como o melhor aplicativo na Espanha e tem um conceito que integra a web e os smartphones. É internacional, visual, simples, fácil e, principalmente, inovador e foi desenvolvido integralmente pela equipe da start-up europeia.
O aplicativo do minube é Global: Todos os viajantes compartilham as suas experiências no seu idioma nativo e há a opção de ler experiências em espanhol, italiano, inglês, além do português e traduzi-las com a ajuda de um tradutor automático. Ele também é Social, com funcionalidades inovadoras que permitem criar e compartilhar planos de viagem com amigos. E, principalmente, mais Móvel, já que em menos de um ano o tráfego proveniente de smarthones já superou 15% das visitas e continua crescendo progressivamente.
Um aspecto importante é o processo de Inspiração. Agora, os viajantes poderão entrar em uma parte do aplicativo chamado Inspirador, uma funcionalidade onde os viajantes terão acesso a uma seleção dos lugares que se ajustam a critérios como: distância que ele está disposto a percorrer desde o seu ponto de origem (graças à geolocalização), dias disponíveis para a viagem, seu estado de ânimo, definido por uma gama de cores que representem as suas emoções, o tipo de viagem que o viajante procura (romântica, algo exótico, desaparecer do mundo, viajar com crianças), ou, por último, o continente o (não sei se deveria ser ao ou a) que deseja ir.
O novo aplicativo significa uma mudança de paradigma na utilização dos dispositivos móveis para compartilhar experiências de viagem e do cotidiano, desde o momento da inspiração, passando pelo planejamento, o uso durante a própria viagem e, claro, a participação em uma rede social onde milhares de viajantes ajudam a outros viajantes a descobrir os lugares mais surpreendentes espalhados pelo mundo, inclusive se eles estão na próxima esquina.
Com o novo aplicativo será mais fácil compartilhar experiências durante as viagens, seja um restaurante, um museu, um lugar onde ver o pôr do sol ou até mesmo um hotel para dormir. O conceito de recomendações ou experiências positivas é uma característica marcante no minube, já que o objetivo é sempre ajudar o usuário a viver as melhores experiências, e não colocar apenas pontuações e opiniões em uma lista infinita de lugares.

Um dos aspectos fundamentais do aplicativo é a geração de milhares de lugares e experiências novas. A qualidade do conteúdo é uma das razões do sucesso da plataforma, que tem mais de 500.000 viajantes registrados no mundo e mais de 30 milhões de visitas ao ano. Os viajantes que entram no aplicativo do minube podem encontrar mais de 24.000 cidades e 200 países, com mais de 800.000 fotos, 10.000 vídeos. E tudo acessível no smartphone.

Uma das coisas mais úteis do aplicativo é a possibilidade de criar planos personalizados que são automaticamente sincronizados com o perfil do usuário na web. É a oportunidade para criar o plano ideal para o fim de semana, uma grande viagem e até mesmo uma rota pela sua própria cidade, com a participação de amigos e outros viajantes que o usuário pode convidar. Dessa maneira, cada pessoa se transforma no seu próprio editor de guia de viagens.
Por exemplo, uma viagem para a Tailândia com um casal de amigos: uma boa ideia é criar o plano “Tailândia em 7 dias”, adicioná-los como participantes e compartilhar todos os dias novas propostas que no final, servirão para fazer uma ótima viagem. Os convites são personalizados e à medida que os participantes do plano adicionam lugares ao plano, os outros vão recebendo atualizações. Um dos pontos fortes é a possibilidade desse
conteúdo estar disponível a qualquer momento, seja offline no smartphone ou até mesmo gerar um arquivo PDF e imprimi-lo.
Os planos podem ser privados ou públicos e qualquer viajante com acesso a eles tem a opção de gerar um PDF através do site com todo este conteúdo, no caso de não ter internet durante a sua viagem ou prefere consultar assim.
Mostramos alguns exemplos de Planos criados pelos viajantes:
o Rio Grande do Norte 2011-2012: http://minu.be/PsW
o Pores do Sol Inesquecíveis. http://minu.be/PsY
o Porto Seguro: http://minu.be/Pt9
O aplicativo pode ser baixado na Apple Store do iTunes http://minu.be/PsR .
Vídeo do aplicativo no Vimeo: http://minu.be/PsV
Mais em www.minube.com.br/iphone
Imagens no Flickr: http://minu.be/PsT
Minube

Você não está autorizado a visualizar esta parte
O campo App IDotherwise your plugin won't work.
Últimos comentários
  1. rosemary joaquim

Deixe uma resposta para rosemary joaquim Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *