Holanda, liberal e culta..

Estava querendo postar sobre a Europa e queria falar de algum lugar especial para mim. Pensei e lembrei da Holanda, mais precisamente Amsterdam e Rotterdam. Primeiro porque conheci esses dois lugares com uma prima minha e seu marido holandês, segundo porque foi um lugar que realmente me surpreendeu, e para mais.

Amsterdam surpreende com a mistura de história com a postura liberal, que pode ser vista nos cafés onde o uso da maconha é permitido_ o que acaba levando muita gente até a Holanda com esse fim_ ou então no famoso bairro da Luz Vermelha, conhecido como Walletjes (pequenos muros), onde a profissão mais antiga do mundo é legalizada, regulamentada e taxada. Podem falar o que quiser, mais passear por ali é um programa imperdível até porque elas não ficam expostas ali fazendo mil e uma coisas como às vezes nos deparamos aqui no Brasil, elas ficam pacientemente esperando os clientes, às vezes lendo, ou fazendo as unhas.. nada que deixe o cidadão comum chocado.. E além de liberal, é romântica: passear a dois, nos canais de Amsterdam é tudo de bom! E ainda de quebra ficar admirando as casas-barco que estão nos canais.
Nem preciso dizer que Amsterdam é cultura pura… O famoso Museu de Van Gogh, com mais de 200 pinturas do artista, mais de 500 desenhos e 700 cartas, é um lugar que precisa ser visitado sempre. Os girassóis , Os comedores de batatas e Campo de trigo com corvos são algumas das famosas obras do pintor que estão no museu. Também não se pode deixar de ir no Rijksmuseum, maior museu da Holanda, que possui um acervo de artistas holandeses magnífico, principalmente de Rembrandt.
scan0159.jpg
Já Rotterdam à primeira vista parece que você saiu da Europa e ninguém te avisou. Isso porque depois da II Guerra Mundial, por ser um porto importante, Rotterdam foi destruída em um ataque de Hitler à Holanda . Por isso é uma cidade nova, com construções de pouco mais de 50 anos.. mas mais que isso, na sua reconstrução, a ousadia prevaleceu e alguns edifícios ficaram famosos por suas formas diferentes. Eu adorei as Kijk-Kubus (casas-cubos), e achei interessante o edifício lápis. Mas  conhecendo melhor a cidade, e se deparando com museus e história, percebemos que ainda estamos na Europascan0192.jpg
Fora isso, como ir a Holanda e não tirar fotos dos moinhos ou ver as tulipas? Na verdade as tulipas tem época certa, de março a maio.. só que vai em outros meses pode ser perdoado de não ir vê-las.
Já os moinhos não tem desculpa.. pelo menos uma foto tem que ser tirada…

Você não está autorizado a visualizar esta parte
O campo App IDotherwise your plugin won't work.
Últimos comentários
  1. Luiza

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *